• DICTUM
    en

  • En daarlig kand undertiden sige viis tale.
  • En ego camp ana, numquam denuntio vana.
  • En ego Fortuna, si starem sorte sub una
    et non mutarer, numquam Fortuna vocarer.
  • En obligación nos pone de dar el haber dado.
    Seneca
  • Encobrir o erro é errar outra vez.
  • Encomenda sem dinheiro, esquece no primeiro regueiro.
  • Encomendas sem dinheiro, ficam no cais de Aveiro.
  • Encostar a barriga ao balcão.
  • Enfermo paciente faz o médico cruel.
  • Engana menino e papa-lhe o pão.
  • Engana-me no preço e não no que compro.
  • Ennenkuin he olivat laskeutuneet levolle, piirittivät kaupungin miehet, sodomalaiset, sekä nuoret että vanhat, koko kansa kaikkialta, talon.
  • Enquanto chove, trabalha Deus.
  • Enquanto disputam os cães, come o lobo a ovelha.
  • Enquanto dura, vida é doçura.
  • Enquanto fui nora, nunca tive boa sogra.
  • Enquanto há dinheiro, há amigos.
  • Enquanto há dívidas, não há herança.
  • Enquanto há saúde, quedos estão os santos.
  • Enquanto há vida, há esperança.
  • Enquanto não acabes, não te gabes.
  • Enquanto não alcances, não descanses.
  • Enquanto o cão se arranha, a lebre escapa-se.
  • Enquanto o médico estuda, o doente morre.
  • Enquanto o ouro luz, os amigos são de truz.
  • Enquanto o pau vai e vem, folgam as costas.
  • Enquanto se canta, não se assobia.
  • Enquanto se descansa, vamos aqui rachar esta lenha.
  • Enquanto se vai e vem, não está o caminho sem gente.
  • Ensinar a Pai Nosso ao vigário.
  • Ensinar é aprender duas vezes.
  • Ensinar o gato a apanhar ratos.
  • Então que tal? Antes assim que mais mal.
  • Entra o beber, sai o saber.
  • Entra por um ouvido e sai pelo outro.
  • Entrada de leão, saída de carneiro.
  • Entre amigos honrados, cumprimentos são escusados.
  • Entre dois irmãos, duas testemunhas e um notário.
  • Entre gato e fritura mete uma fechadura.
  • Entre judeus, judeu como eles.
  • Entre marido e mulher ninguém meta a colher.
  • Entre marido e mulher, cortesia se quer.
  • Entre mortos e feridos, alguém há-de escapar.
  • Entre muitos, falar pouco.
  • Entre o prometer e o dar, tua filha hás-de casar.
  • Entre parentes e irmãos, ninguém meta as mãos.
  • Entre ricos e pobres, não há parentesco.
  • Entre um e outro, o diabo que escolha.
  • Entregar a carta a Garcia.
  • Enxame de Maio, a quem o pedir, dai-o.
  • <<< list home >>>